Card image
Notícias
André Negrão participa de testes do WEC na próxima semana

2 Minutos de leitura

  • Publicado: 22/04/2021
  • Atualizado: 22/04/2021 às 22:02
  • Por: Leonardo Marson

André Negrão parte para uma semana especial em sua trajetória no WEC, o Mundial de Endurance. Na próxima semana, o paulista estreia como piloto da classe hypercars, a principal do campeonato de corridas longas, defendendo a Alpine, equipe francesa que também atua na Fórmula 1. O primeiro desafio será as 6 Horas de Spa-Francorchamps, no próximo dia 1º de maio. Antes, na segunda-feira, o piloto participa do prólogo, também na Bélgica.

André Negrão
André Negrão é campeão mundial da classe LMP2. (Foto: Alpine Renault)

Negrão terá como companheiros de equipe os franceses Nicolas Lapierre e Matthieu Vaxiviére, e já participou de uma bateria de testes privados da Alpine no circuito de Barcelona, na Espanha. Serão dois dias de testes coletivos antes do início dos treinos para a primeira corrida da temporada, que começam na quinta-feira. A expectativa, agora, é por vitórias no geral, e não mais na classe, como era até 2020, quando corria na LMP2.

Você conhece o canal da RACING no YouTube? Clique e se inscreva!
Siga a RACING também no Instagram!

“Com a subida da nossa equipe para classe principal, agora teremos realmente chance de brigar pela vitória na geral. A gente brigou muitas vezes pela vitória na LMP2, mas obviamente nunca tivemos carro para ganhar na geral, e agora vamos ter essa oportunidade. É um momento importante para a história da Alpine e, claro, para a minha vida como piloto”, disse Negrão.

LEIA MAIS:

Pietro Fittipaldi sobe ao pódio em estreia na ELMS em Barcelona

O piloto aponta como grande desafio em 2021 bater a Toyota, equipe que dominou o Mundial de Endurance nas últimas temporadas. Mesmo com a concorrência dos japoneses, o piloto acredita que a Alpine partirá em boas condições para o início do campeonato, principalmente após os testes privados realizados na Espanha.

“[A Toyota parte forte] pelo fato de os carros deles terem tração 4×4 e usarem o sistema híbrido. Mas nós estamos fortes também. Os nossos têm sido produtivos. O primeiro foi apenas para verificação dos sistemas e uma aclimatação dos pilotos nos carros. No segundo já buscamos mais velocidade e fizemos uma simulação de corrida com os três pilotos, com tudo o que uma prova exige da gente”, segue Negrão.

“Esses testes são fundamentais para gente saber praticamente tudo sobre a relação entre nós e Toyota. Nós ainda não nos encontramos na pista fisicamente. Fizemos treinos separados. Nós comparamos os dados deles com os nossos, para saber se a gente não estava muito fora, nem eles. E pelo jeito a gente está bem parecido. Tudo vai ser decidido agora em Spa, nos ajustes que serão feitos”, completa o piloto.

Além de Spa-Francorchamps, o campeonato passará por Portimão, Monza, Fuji e Bahrein. A principal corrida, porém, é a 24 Horas de Le Mans, mais importante corrida de endurance do planeta, e que será disputada em agosto.