Card image
Notícias
Zonta impede ataque de Khodair e vence em Goiânia

3 Minutos de leitura

  • Publicado: 26/07/2020
  • Atualizado: 26/07/2020 às 12:22
  • Por: Leonardo Marson

Ricardo Zonta venceu neste domingo (26) a primeira corrida da etapa de abertura da Stock Car, realizada no Autódromo Internacional Ayrton Senna, em Goiânia (GO). O piloto do Toyota Corolla da Shell/RCM liderou praticamente toda a corrida, exceção feita ao momento em que foi para os boxes, faturando a primeira vitória na nova fase da categoria.

Ricardo Zonta
Zonta deu a Toyota sua primeira vitória na Stock Car. (Foto: Duda Bairros)

A segunda posição ficou com Allam Khodair, que largou da quinta colocação e rapidamente se colocou em perseguição a Zonta, sem conseguir a ultrapassagem. O piloto do Chevrolet Cruze da Blau Motorsport foi seguido por Ricardo Maurício, representante da Eurofarma RC que completou o pódio com a terceira posição.

Você conhece o canal da RACING no YouTube? Clique e se inscreva!
Siga a RACING também no Instagram!

Atual tricampeão da Stock Car, Daniel Serra foi o quarto colocado com o outro carro da Eurofarma. Cacá Bueno, da Crown Racing, fechou a prova em quinto, seguido por Thiago Camilo, da Ipiranga Racing. O grupo dos dez primeiros ainda contou com Rubens Barrichello, da Full Time, Cesar Ramos, da Ipiranga Racing, Galid Osman, da Shell/Crown, e Vitor Genz, da KTF.

LEIA MAIS:

Ricardo Zonta comemora pole position em Goiânia

Além das disputas na pista, como a de Matías Rossi e Galid Osman e Vitor Genz, a corrida ainda foi marcada por um grande susto. Um princípio de incêndio atingiu os boxes de Marcos Gomes no momento em que o paulista foi para a parada. Os bombeiros agiram rapidamente e apagaram o fogo nos boxes da equipe Cavaleiro.

A Stock Car realiza uma segunda corrida em Goiânia ainda neste domingo, a partir das 12h20. Décimo na primeira prova, Genz partirá da pole position.

Confira como foi a corrida

A corrida começou com Zonta mantendo a primeira colocação, sendo seguido por Maurício, que se defendeu do ataque de Serra. Mais atrás, Rossi escapou da pista, mas conseguiu seguir na prova. Outro que saiu da pista foi Di Mauro, que passeou pela grama.

Na abertura da segunda volta, Khodair deixou Serra para trás para tomar a terceira posição. O piloto da Blau Motorsport seguiu avançando e superou Maurício usando o botão de ultrapassagem para tomar o segundo posto da corrida. Já Cacá Bueno entrou no top-5 ao ultrapassar Barrichello.

Zonta seguiu na liderança e se deu ao luxo de não usar o botão de ultrapassagem nos giros iniciais. Apesar disso, viu Khodair se aproximar, trazendo consigo Maurício. Um pouco mais atrás, Barrichello recuperou a quinta posição ao deixar Cacá para trás.

Thiago Camilo deixou Galid Osman para trás para tomar a décima colocação da corrida. Já Gabriel Casagrande foi aos boxes com problemas de superaquecimento em seu carro. Já o capô do carro de Rafael Suzuki se soltou do carro.

Zonta entrou nos boxes na volta 10, colocando apenas um pneu. Ricardo Maurício e Thiago Camilo vieram para os boxes na sequência, enquanto Khodair, fez seu pit stop na volta 12, retornando atrás do paranaense da Shell/RCM. Na 13ª volta, foi a vez de Serra visitar os boxes.

Um incêndio atingiu o carro de Marcos Gomes no momento da parada nos boxes do paulista na Cavaleiro. Após as paradas nos boxes, Zonta retomou a liderança da corrida, sendo seguido por Khodair. Maurício, Serra e Cacá completavam o grupo dos cinco primeiros.

Khodair se aproximou de Zonta restando cinco minutos para o final da corrida. Rossi, por sua vez, partiu para o ataque sobre Galid, em batalha pela nona colocação. O argentino perseguiu o piloto da Shell por pelo menos duas voltas, mas não conseguiu a ultrapassagem, e acabou superado por Vitor Genz.

Khodair seguiu em perseguição sobre Zonta, enquanto Rossi deixou para trás Genz para recuperar o décimo lugar, mas viu o gaúcho retomar a posição no miolo do circuito. Na frente, Zonta seguiu para vencer a primeira corrida do dia.