Card image
Notícias
Átila Abreu comemora primeira vitória do ano na Stock Car

2 Minutos de leitura

  • Publicado: 20/10/2019
  • Atualizado: 20/10/2019 às 15:03
  • Por: Leonardo Marson

Átila Abreu comemorou muito a vitória na segunda corrida da nona etapa da Stock Car, disputada neste domingo (20) no Autódromo Zilmar Beux, em Cascavel (PR). Uma estratégia perfeita na prova que fechou a rodada dupla, retardando a parada nos boxes, permitiu ao piloto da Shell V-Power retornar do pit stop na liderança, seguindo para vencer pela primeira vez na atual temporada.

Átila Abreu
Átila Abreu pôde, enfim, vencer pela primeira vez na temporada da Stock Car. (Foto: José Mário Dias)

Após a corrida, o piloto do time comandado por Thiago Meneghel lembrou de toda a trajetória na atual temporada, relembrando o acidente sofrido nos treinos para a etapa de abertura do campeonato, no Velopark, quando fraturou uma vértebra e acabou fora de duas etapas, antes de destacar que, no oeste paranaense, o carro apresentou bom desempenho desde os treinos livre.

Você conhece o canal da RACING no YouTube? Clique e se inscreva!
Siga a RACING também no Instagram!

“Estou muito feliz! Foi um ano muito complicado desde o acidente no começo do ano. Sempre fui acostumado a andar no pelotão da frente, mas esse ano, por causa de todos os problemas, estamos um pouquinho atrás. Depois do acidente tivemos dois terceiros, caímos de performance, mas em Cascavel começou andando bem em todos os treinos”, explicou Átila, logo após a corrida.

LEIA MAIS:
Fraga supera Casagrande e vence em Cascavel
Átila Abreu acerta estratégia e vence corrida 2 em Cascavel

“Na classificação erramos um pouquinho e deixamos a desejar, abusamos um pouco no acerto para tentar a pole e pagamos o preço. Largando em 11º, tivemos de jogar com a estratégia. Quando terminou a primeira corrida pensei que deveríamos ter reabastecido mais”, explicou o piloto do carro número 51, antes de falar sobre a segunda corrida do dia em Cascavel.

“Na corrida 2, o (Rafael) Suzuki abriu muito no começo, eu era um pouco mais rápido do que o Valdeno (Brito) e economizei um pouco de push. Ele deu uma errada, e passei sem o push. Isso foi importante, e consegui abrir. Sabia que o Thiago (Camilo) teve uma punição na primeira corrida e abasteceu mais, por isso sabia que a briga seria com ele e o Suzuki”, disse o sorocabano.

“O Suzuki teve um problema, e ficamos o Thiago e eu. Ele veio chegando, mas talvez ele tenha ficado sem pneu, o que aconteceu comigo também. Optei por não trocar o dianteiro e no fim fiquei com medo de estourar. Ainda bem que o Thiago perdeu um pouco o ritmo e deu para economizar também. Queria agradecer a todos que votaram no Fan Push e torceram”, completou Átila.

A próxima etapa da Stock Car acontece no dia 10 de novembro, no Velo Città, autódromo localizado em Mogi Guaçu (SP).