Card image
Competições
Sainz vence especial e vira líder; Alonso termina em quinto

2 Minutos de leitura

  • Publicado: 07/01/2020
  • Atualizado: 07/01/2020 às 12:33
  • Por: Leonardo Marson

Carlos Sainz e Lucas Cruz venceram nesta terça-feira (7) a terceira especial do Rally Dakar, disputada em laço na cidade de Neom, na Arábia Saudita. Após uma dura batalha com Stéphane Peterhansel e Nasser Al-Attiyah, o espanhol tomou a liderança a partir do quilômetro 250 e seguiu para completar o trecho de 427 quilômetros em 3h48min01s com um Mini. De quebra, os espanhois tomaram a liderança do maior rali do mundo.

Dakar
Carlos Sainz venceu pela 33ª na carreira uma especial de Dakar. (Foto: Red Bull Content Pool)

Al-Attiyah, que tem como navegador Matthieu Baumel, completou a especial em segundo com um Toyota, terminando com um atraso de 3min31s para Sainz e Cruz. Jakub Przygonski e Timo Gottschalk, com outro Mini, fecharam o dia com a terceira posição, sendo seguidos por Yasir Seaidan e Kuzmich Alexy, quartos com outro Mini. O grupo dos cinco primeiros ainda contou com Fernando Alonso e Marc Comá, com um Toyota.

Você conhece o canal da RACING no YouTube? Clique e se inscreva!
Siga a RACING também no Instagram!

Yazeed Al Rajhi e Konstantin Zhiltsov ficaram com a sexta posição com um Toyota, sendo seguidos por Peterhansel e Paulo Fiúza, que depois de lutarem pela vitória, terminaram em sétimo com um Mini. Orlando Terranova e Bernardo Graue, que começaram o dia na liderança do Dakar, foram os oitavos com outro Mini, ficando à frente de duas duplas da Toyota: Giniel de Villiers e Alex Bravo, e Bernhard ten Brinke e Tom Cousoul.

LEIA MAIS:
Alonso fala de acidente e atraso na segunda especial do Dakar
De Villiers vence segunda especial nos Carros. Terranova lidera
Lituanos vencem primeira especial do Dakar nos Carros

Após a terceira etapa, Sainz e Cruz aparecem na liderança do Dakar, somando 11h00min20s, tempo 4min55s melhor em relação aos vice-líderes Al-Attiyah e Baumel. Terranova e Graue ocupam a terceira posição, sendo seguidos por Al Rajhi e Zhiltsov. Peterhansel e Fiúza fecham a lista dos cinco primeiros, enquanto Alonso e Comá subiram para a 32ª posição.

Nesta quarta-feira (8), os pilotos do Dakar deixam a cidade de Neom e seguem em direção a Al-’Ula, em um percurso total de 672 quilômetros, sendo 453 deles cronometrados.