Card image
Notícias
Dakar: Barreda Bort fatura segunda especial nas motos. Sunderland lidera

2 Minutos de leitura

  • Publicado: 03/01/2022
  • Atualizado: 03/01/2022 às 16:59
  • Por: Leonardo Marson

Joan Barreda Bort venceu nesta segunda-feira (3) a segunda especial do Rally Dakar entre os competidores das motos. Correndo com uma Honda, o espanhol foi o melhor nos 338 quilômetros entre as cidades de Ha’il e Al-Artawiya, na Arábia Saudita, registrando 3h31min20s para vencer pela primeira vez na atual edição, e a 28ª na carreira.

Joan Barreda Bort
Barreda Bort venceu sua primeira especial na atual edição. (Foto: DPPI)

A segunda posição ficou com Sam Sunderland, piloto da GasGas que acabou 5min33s atrasado em relação a Barreda Bort. Kevin Benavides, com uma KTM, foi o terceiro melhor, sendo seguido por Skyler Howes, quarto com uma Husqvarna. O grupo dos cinco melhores da especial ainda contou com Toby Price, da KTM.

Você conhece o canal da RACING no YouTube? Clique e se inscreva!
Siga a RACING também no Instagram! e no Twitter
Acompanhe tudo o que rola no esporte a motor com o Boletim Racing

Joaquim Rodrigues colocou a Hero na sexta posição da especial, sendo seguido por Stefan Svitko, sétimo melhor com uma KTM. Adrien van Beveren, piloto da Yamaha, fechou o percurso na oitava posição, enquanto Andrew Short, também da Yamaha, foi o nono. Aaron Mare, com uma Hero, completou a lista dos dez mais rápidos do dia.

LEIA MAIS:

Al-Attiyah vence primeira especial do Dakar. Peterhansel e Sainz sofrem
Sanders vence primeira especial do Dakar nas motos

Quem não foi bem nesta especial foi Daniel Sanders, vencedor do prólogo e da primeira especial, que terminou o dia apenas com a 23ª posição com uma GasGas. Já Danilo Petrucci, ex-piloto da MotoGP que faz sua estreia no Dakar, abandonou a disputa após ter problemas com sua KTM. O italiano poderá voltar à prova, já que a organização, neste ano, permite o retorno à disputa, ainda que com grande penalização.

Após duas especiais, a liderança nas motos passou para as mãos de Sam Sunderland, que tem 8h31min29s acumulados. Adrien van Beveren aparece na segunda posição, distante 2min51s do líder. Daniel Sanders caiu da primeira para a terceira posição, sendo seguido por Matthias Walkner. Skyler Howes completa o top-5.

Andujar triunfa nos quadriciclos

Na disputa dos quadriciclos, a vitória na especial desta segunda-feira ficou com o argentino Manuel Andujar, que completou os 338 quilômetros em 4h27min51s. Alexandre Giroud terminou com a segunda posição, 2min03s distante do tempo de Andujar, enquanto Pablo Copetti completou a lista dos três melhores do estágio.

Único brasileiro na disputa da mais importante prova fora de estrada do mundo nos quadriciclos, Marcelo Medeiros conseguiu um novo top-10, ao terminar a especial na nona posição com o tempo de 5h06min20s, distante 38min29s em relação a Andujar.

Depois da disputa da segunda especial, a liderança nos quadriciclos pertence a Laisvydas Kancius, lituano que tem 10h51min36s acumulados. Pablo Copetti é o segundo colocado, distante 6min32s do líder, enquanto Alexandre Giroud é o terceiro. Marcelo Medeiros ocupa a oitava posição, 1h06min15s atrás de Kancius.

Nova etapa laço

O Dakar parte para sua terceira especial com uma nova etapa laço, com largada e chegada em Al-Artawiya. O estágio será o mais curto da prova até o momento, com 255 quilômetros, enquanto o percurso total contará com 636 quilômetros.

Comentários