Card image
Notícias
Brabec vence nas motos; líderes estão separados por um segundo

2 Minutos de leitura

  • Publicado: 10/01/2021
  • Atualizado: 10/01/2021 às 12:54
  • Por: Leonardo Marson

O americano Ricky Brabec venceu neste domingo (10) a sétima especial do Rally Dakar entre os pilotos das motos. O piloto puxou o 1-2 da Honda no trecho cronometrado entre Ha’il e Sakaka, na Arábia Saudita, e completou os 453 quilômetros em 4h37min44s, faturando sua primeira vitória nesta edição do mais importante rali do planeta.

Ricky Brabec
Brabce venceu pela primeira vez neste Dakar. (Foto: Eric Vargiolu)

José Ignácio “Nacho” Cornejo ficou com a segunda posição, chegando 2min07s atrasado em relação a Brabec. Skyles Howes, da KTM, foi o terceiro melhor do dia, chegando à frente de outros dois pilotos de motos da marca austríaca: Sam Sunderland foi o quarto, sendo seguido a Daniel Sanders, que completou o grupo dos cinco primeiros.

Você conhece o canal da RACING no YouTube? Clique e se inscreva!
Siga a RACING também no Instagram!

Melhor piloto da Husqvarna na especial, Xavier de Soultrait ficou com a sexta posição, ao passo que Toby Price, com outra KTM, foi o sétimo melhor. Luciano Benavides, com uma Husqvarna, completou a especial em oitavo, ao passo que Joaquim Rodrigues, piloto da Hero, foi o nono. Franco Caimi, piloto da Yamaha, fechou a lista dos dez melhores.

LEIA MAIS:

Barreda vence pela terceira vez nas motos; Price lidera
Kevin Benavides vence especial e vira líder do Dakar nas motos
Barreda vence quarta especial; De Soultrait lidera nas motos
Price vence terceira especial, e Howes vira líder nas motos

Alguns dos principais pilotos do Dakar não foram bem neste domingo. Foi o caso de Joan Barreda Bort, que ficou apenas com a 14ª colocação da especial. Logo atrás do espanhol da Honda apareceu Pablo Quintanilla, da Husqvarna, enquanto Kevin Benavides, da Honda, e Matthias Walkner, da KTM, 16º e 17º colocados, respectivamente.

Após a disputa de sete especiais, a liderança do Dakar pertence a “Nacho” Cornejo, que tem acumulados 28h51min31s. O chileno está apenas um segundo à frente de Price, o segundo colocado. Sunderland é o terceiro, sendo seguido por De Soultrait, quarto melhor. Kevin Benavides completa a lista dos cinco primeiros.

A próxima especial do Dakar acontece nesta segunda-feira (11), quando os competidores deixarão Sakaka e seguirão em direção a Neom. Serão 709 quilômetros totais, e 375 quilômetros de trecho cronometrado.