Card image
Notícias
Livro LipSpeed conta a incrível jornada das mulheres no motorsport

4 Minutos de leitura

  • Publicado: 22/04/2021
  • Atualizado: 22/04/2021 às 15:20
  • Por: Venicio Zambeli

Um livro de automobilismo como nunca visto antes. Desta maneira pode ser descrita a obra LipSpeed – Women incredible journey in motorsport, escrito por Alexandre Armando Vasconcellos.

Livro Lipspeed
Capa do livro LipSpeed – Women incredible journey in motorsport – Foto: divulgação

Originalmente publicado em inglês, ele acaba de ser lançado e conta a importante e curiosa trajetória das mulheres no esporte a motor, iniciada em 1888, numa época em que elas não tinham direitos iguais. Um verdadeiro documento histórico para o automobilismo mundial, compilando dados sobre as mulheres pilotos de carros e motos em um só lugar.

 

Histórias incríveis de mulheres pilotos

O livro mostra toda a trajetória de conquistas que inúmeras mulheres fizeram ao assumir o volante para participarem de competições, enfrentando resistência, preconceito, falta de apoio e até mesmo manobras para evitar sua participação. Mas, aos poucos as barreiras foram sendo superadas, principalmente em função da persistência e determinação de muitas delas à frente de seu tempo.

“Comecei a pensar neste tema em 2010, mas foi em 2019 que me aprofundei nas pesquisas históricas e contatos diretos com muitas das pilotos para a produção deste conteúdo que está sendo lançado agora em 2021”, conta o autor Alexandre Vasconcellos, que já publicou um livro sobre automobilismo – O Brasil na Fórmula 1 – e é apaixonado por velocidade desde que seu pai o levou ainda criança para o autódromo de Interlagos e virou estudioso do assunto.

“As mulheres que correm nunca tiveram muito apoio no meio automobilístico e existem poucas publicações no mundo sobre este tema. Achei importante abordar as dificuldades e a coragem de todas elas, uma história de superação de preconceito dentro e fora das pistas”, explica o escritor, que abrange nomes que vão de Bertha Benz, Maria Teresa de Filippis, Michèle Mouton, às brasileiras Cristina Rosito, Helena Deyama, Moara Sacilotti e Bia Figueiredo, dentre tantas outras várias lendas femininas do esporte a motor.

Livro Lipspeed
Imagem: reprodução site oficial lipspeed.com / divulgação

 

Livro mostra mais de 1.000 pilotos mulheres – e muitas delas brasileiras

O livro LipSpeed – Women incredible journey in motorsport conta essa trajetória de 1888 até o início de 2021. São 1.137 nomes de mulheres pilotos que estão nesta obra, sendo 121 delas, brasileiras. Histórias descritas em 250 páginas, distribuídas em 8 capítulos contendo 203 fotos preto e branco e coloridas – cinco delas inéditas do Grande Prêmio de São Paulo de 1936 e 40 fotos exclusivas. Além disso, traz uma tabela com 788 conquistas dessas incríveis mulheres velozes e todos os resultados obtidos por elas nas provas mais famosas do mundo (24 horas de Le Mans, Daytona, Spa-Francorchamps, Nürburgring e Dubai; 12 horas de Sebring; 10 horas de Petit Le Mans, além da Fórmula 1, Fórmula Indy e informações sobre Nascar, Dragster, Motovelocidade, Rali, Kart, Powerboat e outras categorias menores).

Livro Lipspeed
Imagem: reprodução site oficial lipspeed.com / divulgação

 

Novos rumos para as mulheres no automobilismo

Após terminar sua obra, Vasconcellos acredita que as mulheres continuam tendo dificuldades de conquistar seu espaço no automobilismo. Só que diferente do que ele viu durante suas pesquisas desta história feminina nas pistas, existe um novo cenário atual: “O preconceito não acabou, mas há uma evolução com alguns movimentos, como o FIA Girls On Track (programa da Federação Internacional de Automobilismo de incentivo profissional para ajudar a formar mulheres pilotos) e a W Series (a competição somente para mulheres que será preliminar da F1 a partir do GP da França), que são importantes para abrir mais oportunidades para elas mostrarem suas qualidades como competidoras. Acredito que com mais chances muitas delas podem mostrar suas qualidades de piloto desde a porta de entrada do kart e chegar à Fórmula 1 em pouco tempo”, finaliza o escritor.

O livro, que custa R$ 84,90, será vendido somete pelo site www.lipspeed.com e contatos podem ser feitos pelo e-mail [email protected]

Lipspeed
Alexandre Vasconcellos, autor do livro – Foto: Sérgio Augusto Malta Décourt / divulgação

 

Curiosidades

Confira alguns fatos que podem ser conferidos no livro LipSpeed – Women incredible journey in motorsport sobre as mulheres pilotos:

– 1.137 nomes de mulheres pilotos (121 brasileiras);

– 203 fotos, cinco inéditas de época, 40 exclusivas;

– Tabela com os 788 resultados, vitórias e recordes estabelecidos por mulheres;

– Todos os resultados delas nas provas de F1, F-Indy, 24h de Le Mans, 24h de Daytona, 12h de Sebring, 10h de Petit Le Mans, 24h de Spa-Francorchamps, 24h de Dubai;

– Que tal uma mulher decidir visitar a mãe, viajando de carro por 100 km, sem nunca ter dirigido antes? Isso aconteceu em 1888!

– E vencer uma prova e, ao subir no pódio, perceber que seus adversários se negaram a participar da premiação por terem perdido para uma mulher?

– Ser a única mulher do mundo a conquistar o Mundial de Kart?

– Aos 13 anos ter que socorrer a mãe, em estado de choque, e dirigir até o médico sem nunca ter tido aula de direção?

– Estabelecer o recorde de velocidade com largada parada em 1931?

– Ser campeã mundial nada menos do que 13 vezes?

– Única mulher a vencer na Fórmula Indy?

– Única mulher a vencer a prova Paris-Dakar?

– Única mulher a vencer na principal categoria de Rally no mundo e única a vencer a desafiadora subida de montanha de Pikes-Peak?

– Recordista de velocidade em Indianápolis com 370 km/h de média?

– Participar 20 vezes do Rally dos Sertões?

– Ser a 1ª mulher a vencer na Indy Lights?

Livro Lipspeed
Vários temas e mais de 1.000 pilotos mulheres são abordados na publicação em inglês – Imagem: reprodução site oficial lipspeed.com / divulgação

Comentários