Card image
Formula 1
Leclerc arranca volta voadora e conquista pole em Barcelona

5 Minutos de leitura

  • Publicado: 21/05/2022
  • Atualizado: 21/05/2022 às 12:17
  • Por: Ana Oliveira

Charles Leclerc conquistou neste sábado (22) a pole position para o Grande Prêmio da Espanha, sexta etapa da temporada 2022 da Fórmula 1. Em uma atividade que aconteceu com a pista quente, com 47° C em Barcelona, o piloto da Ferrari anotou 1min18s750 em sua última volta do Q3, garantindo a posição de honra.

Charles Leclerc
Charles Leclerc liderou todas as atividades do fim de semana. (Foto: Ferrari)

A segunda posição ficou com Max Verstappen, piloto da Red Bull que foi 0s323 mais lento em relação a Leclerc. Carlos Sainz, com o outro carro da Ferrari, ficou com a terceira colocação, e terá ao seu lado na segunda fila George Russell, quarto com a Mercedes. Sergio Pérez partirá da quinta posição.

Você conhece o canal da RACING no YouTube? Clique e se inscreva!
Siga a RACING também no Instagram! e no Twitter
Acompanhe tudo o que rola no esporte a motor com o Boletim Racing

Lewis Hamilton, com a outra Mercedes do grid, largará da sexta posição, enquanto Valtteri Bottas, da Alfa Romeo, dividirá a quarta fila do grid com Kevin Magnussen, oitavo com o carro da Haas. Daniel Ricciardo partirá do nono lugar com a McLaren, com Mick Schumacher logo atrás, fechando o top 10.

LEIA MAIS:
Leclerc lidera último treino livre para o GP da Espanha de F1
Leclerc desbanca Verstappen e lidera segundo treino na Espanha
Leclerc lidera primeiro treino para o GP da Espanha de F1

A atividade que definiu as posições de largada não contou com acidentes ou pausas. O único momento de maior agitação aconteceu quando Leclerc, ainda no início do Q3, derrapou na pista e ficou atravessado, mas não houve prejuízos ao carro do piloto monegasco.

O Grande Prêmio da Espanha de Fórmula 1 será realizado neste domingo (22), a partir das 10h00. A Band transmite a corrida ao vivo no Brasil.

Confira como foi a classificação

Q1

A primeira parte da classificação iniciou pontualmente às 11h00, com o tempo aberto em Barcelona e temperatura em 34° C. Guanyu Zhou, da Alfa Romeo, foi o primeiro a sair dos boxes para aquecer seus pneus. Ele liderou os primeiros minutos com 1m21s065.

Aos 12 minutos, Sergio Pérez levou seu RB18 para a pista e assumiu a liderança com uma volta 0s618 mais rápida que a de Zhou. Além dos dois pilotos, apenas Pierre Gasly e Nicholas Latifi haviam marcado tempos até então.

Max Verstappen abriu sua volta rápida na sequência e marcou 1m20s091, ultrapassando seu companheiro de equipe. Em seguida, Carlos Sainz e Charles Leclerc foram juntos para a pista, com o espanhol sendo 0s199 mais rápido que Verstappen e seu companheiro de equipe marcando 1m19s861 para assumir a ponta.

A dupla da Mercedes encaixou suas voltas entre os cinco melhores tempos, com menos de 0s400 atrás do líder Leclerc. Valtteri Bottas encaixou sua volta logo atrás, com o sexto melhor tempo.

Faltando seis minutos, todos os pilotos já tinham tempos marcados. A zona de eliminação contava com Alexander Albon, Lance Stroll, Pierre Gasly, Mick Schumacher e Nicholas Latifi. Os carros retornaram aos boxes.

Nos últimos dois minutos, os pilotos que precisavam garantir seu lugar no Q2 retornaram para a pista. Latifi abriu volta, mas não conseguiu tempo suficiente para sair da zona de eliminação, já Schumacher e Magnussen arrancaram tempos seguros para seguirem adiante no Q2.

Fernando Alonso foi superado por Daniel Ricciardo e acabou ficando de fora do Q2. Yuki Tsunoda conseguiu se livrar , enquanto Esteban Ocon ficou muito próximo de ser eliminado.

O Q1 finalizou com Vettel, Alonso, Stroll , Albon e Latifi eliminados. Um incidente entre Stroll e Lando Norris na saída do pit lane foi colocado sob investigação.

Q2

A segunda rodada da classificação começou com a temperatura da pista em 47° C, fazendo com que as equipes esperassem para liberarem seus carros. Os pilotos só foram para a pista faltando 10 minutos para o fim.

Lewis Hamilton e George Russell inauguraram as voltas rápidas, com o piloto do carro 63 assumindo a liderança com 1m19s470, mais de 0s300 de diferença para o heptacampeão, que escorregou no último setor, prejudicando sua volta.

Kevin Magnussen encaixou sua volta em terceiro, mas logo foi superado por Pérez e Bottas. A dupla da Ferrari finalizou suas voltas com tempos acima de 0s400 da marca de Russell.

Os carros voltaram aos boxes com cinco minutos para o fim. Ricciardo, Ocon, Zhou, Tsunoda e Gasly se encontravam na zona de eliminação enquanto os carros se preparavam para o fim da sessão.

Os pilotos foram para a pista com menos de três minutos no relógio para uma última volta decisiva. Carlos Sainz tirou a liderança de Russell marcando 1m19s453, apenas 0s017 mais rápido.

Magnussen colocou sua Hass na quarta posição, enquanto Verstappen veio para marca 1m19s219, tomando a ponta da sessão. Ricciardo conseguiu melhorar seu tempo e fugir da zona de perigo, enquanto a volta de seu companheiro de equipe foi deletada por exceder limites de pista.

Não se classificaram para o Q2: Norris, Ocon, Tsunoda, Gasly e Zhou.

Q3

Os piloto saíram dos boxes dois minutos após o relógio começar a contar. Hamilton começou os trabalhos na pista com uma volta de 1mm9s664, mas foi superado por Sainz em 0s241. Leclerc vinha para a volta mais rápida da sessão, mas derrapou na pista.

Verstappen aproveitou sua primeira volta rápida para liderar a sessão com 1m19s023. Pérez conseguiu o terceiro melhor tempo, enquanto Russell empurrou Hamilton para a quinta colocação.

Faltando cinco minutos, os carros voltaram para o pit lane. Apenas Charles Leclerc não marcou tempo durante a primeira volta da sessão.

Faltando três minutos, o monegasco da Ferrari foi o primeiro a sair dos boxes. Sua volta ficou em 1m18s750, o melhor tempo do fim de semana. Sainz passou 0s416, ficando com a terceira posição.

Hamilton fez o quinto melhor tempo, enquanto Russell encaixou 1m19s293, ficando em quarto. Sem potência no carro, Verstappen não teve como competir pela pole, assegurando a segunda posição e deixando a pole com Leclerc.

Comentários