Card image
Competições
FIA libera pilotos russos e cancela oficialmente GP

1 Minuto de leitura

  • Publicado: 01/03/2022
  • Atualizado: 01/03/2022 às 17:42
  • Por: Ana Oliveira

Após o pedido de punições contra a Rússia feito pela Federação Ucraniana de Automobilismo, a FIA anunciou na tarde desta terça-feira as medidas tomadas como resposta aos ataques de Putin ao território da Ucrânia.

FIA anunciou decisões sobre situação de pilotos russos

As consequências servem não só para a Rússia, mas também para Bielorrússia, país declaradamente aliado aos russos na guerra. As decisões tomadas pelo conselho da FIA estão de acordo com as propostas do Comitê Olímpico Internacional:

  • Nenhuma competição internacional deve ser realizada nesses países;
  • Nenhuma bandeira ou símbolo russos/bielorrussos deverá ser utilizado nas competições;
Você conhece o canal da RACING no YouTube? Clique e se inscreva!
Siga a RACING também no Instagram! e no Twitter
Acompanhe tudo o que rola no esporte a motor com o Boletim Racing

Sobre a situação dos pilotos e equipes russos ou bielorrussos, a FIA declarou:

  • Nenhuma equipe russa/bielorrussa deve participar em competições da FIA;
  • Pilotos russos/bielorrussos, competidores individuais e oficiais poderão correr sob bandeira neutra;
  • Símbolos nacionais, cores, bandeiras (incluindo uniforme, equipamento e carro), não devem ser expostos nas competições;

LEIA MAIS:

Federação ucraniana pede que pilotos russos sejam banidos

McLaughlin impede ataque de Palou e vence em São Petersburgo

Veja os melhores momentos da etapa de Fontana da NASCAR

Os representantes russos e bielorrussos da FIA também foram afastados temporariamente de seus cargos. A nota ainda traz a informação de que o GP da Rússia de Fórmula 1 está oficialmente cancelado por motivo de força maior.

A FIA afirmou continuar monitorando a situação e se posicionou contra a invasão russa: “Nós condenamos a invasão da Ucrânia e nossos pensamentos estão com todos que estão sofrendo os resultados desses eventos.”

Comentários