Card image
Nascar
Paludo celebra “dia espetacular” na Nascar Xfinity Series em Daytona

2 Minutos de leitura

  • Publicado: 21/02/2021
  • Atualizado: 21/02/2021 às 14:33
  • Por: Leonardo Marson

Miguel Paludo teve uma atuação de destaque no retorno à Nascar. O brasileiro completou a segunda etapa da Xfinity Series, disputada no circuito misto do Daytona International Speedway, na sétima colocação, depois de largar do 35º posto. Foi a primeira corrida do gaúcho na mais importante categoria do automobilismo americano em oito anos.

Miguel Paludo
Paludo conseguiu seu melhor resultado na Xfinity Series. (Foto: Jr Motorsport)

Defendendo a Jr. Motorsport, o piloto largou de trás por conta do sorteio do grid, já que a Nascar não realiza treinos durante a pandemia. Rapidamente Paludo começou a escalar o pelotão, mas, por ir aos boxes no final do primeiro segmento, acabou fora do top-10. A estratégia se pagou no início do segundo estágio da prova, quando chegou a andar em quinto.

Você conhece o canal da RACING no YouTube? Clique e se inscreva!
Siga a RACING também no Instagram!

Um estouro de pneu na 26ª volta fez com que o brasileiro despencasse na classificação, ficando em 33º com um giro de desvantagem para os líderes. No final do segundo segmento, Paludo optou por não ir aos boxes, recuperou a volta, e passou a escalar o pelotão no início da fase final da corrida. Uma bandeira amarela o ajudou a ir aos boxes pela última vez sem perder posições.

LEIA MAIS:

Gibbs vence em Daytona na Xfinity Series; Paludo garante top-10

Com as bandeiras amarelas e as prorrogações, Paludo teve tempo para ganhar mais posições, capitalizando ao final da prova o sétimo lugar, se valendo do bom ritmo que o carro número 8 apresentava no trecho final da prova. O resultado representou o melhor resultado do piloto brasileiro na segunda principal divisão da Nascar.

“Dia espetacular em Daytona. Pela primeira vez na minha carreira fui para a corrida sem conhecer a pista, o carro e sem treino algum, nenhuma volta antes da bandeira verde. Segui o plano que combinei com meu time #8 antes da corrida e deu certo”, disse Paludo, após o encerramento da corrida no circuito localizado em Daytona Beach.

“Usei primeiro estágio para me adaptar a tudo, o segundo para ajustar o carro e o último pra ser mais agressivos busca de resultado. O furo no pneu nos jogou pra trás novamente, mas não desistimos nunca. Fui agressivo nas relargadas e consegui ultrapassagens importantes no final. Aprendi muito principalmente com o balanço de freio desse carro, onde me encontrei no terceiro estágio”, completou Paludo.

A próxima etapa de Paludo na Nascar está marcada para o dia 22 de maio, no Circuito das Américas, em Austin. Antes disso, o piloto participa da abertura da Porsche Cup no Brasil, em Interlagos.