Card image
Competições
Kyle Larson vence no Texas e se classifica para a decisão da Nascar

2 Minutos de leitura

  • Publicado: 17/10/2021
  • Atualizado: 20/10/2021 às 13:56
  • Por: Leonardo Marson

Kyle Larson venceu neste domingo (17) a primeira corrida da terceira rodada dos playoffs da Nascar, disputada no Texas Motor Speedway, em Fort Worth. O piloto da Hendrick foi dominante ao longo das 334 voltas da prova, liderando 257 giros e resistindo aos ataques de William Byron e Tyler Reddick nas relargadas para vencer pela oitava vez no ano e se garantir na decisão da temporada.

Kyle Larson
Larson chegou a oitava vitória na temporada. (Foto: Getty Images)

A segunda posição ficou com Byron, que tentou por diversas vezes tomar a primeira posição de Larson, seu companheiro de equipe, sem sucesso. Christopher Bell, com um equipamento da Joe Gibbs, foi o terceiro, sendo seguido por Brad Keselowski, quarto com um carro da Penske. O grupo dos cinco melhores foi completado por Kevin Harvick, da Stewart-Haas.

Você conhece o canal da RACING no YouTube? Clique e se inscreva!
Siga a RACING também no Instagram! e no Twitter
Acompanhe tudo o que rola no esporte a motor com o Boletim Racing

Ryan Blaney, com um carro preparado pela Penske, terminou a prova na sexta posição, sendo seguido por Chase Elliott, mais um piloto da Hendrick. Kyle Busch, vencedor do primeiro segmento da prova, levou o carro número 18 da Joe Gibbs ao oitavo lugar. Tyler Reddick foi o nono com um equipamento da Richard Chidress, enquanto Daniel Suárez, da Trackhouse, foi o décimo.

LEIA MAIS:

Xfinity: Nemechek supera Hemric na última relargada e vence no Texas

Três pilotos que seguem vivos na disputa pelo título tiveram problemas ao longo da corrida, todos no terceiro segmento. Joey Logano viu o motor de seu carro explodir, abandonando a disputa imediatamente. Já Martin Truex Jr. e Denny Hamlin sofreram acidentes e também não completaram a corrida, se complicando na disputa pelas vagas na decisão.

A corrida contou com um big one, acidente múltiplo que ocorreu logo na 31ª volta da prova. Bubba Wallace, Joey Gase, Justin Haley, Alex Bowman, Josh Bilicki, Ross Chastain, Ryan Preece, Ricky Stenhouse Jr. e Ryan Newman foram alguns dos pilotos envolvidos no acidente, que teve início após uma rodada na reta oposta. Ao todo foram 11 bandeiras amarelas na corrida.

A prova ainda teve um momento mais tenso. Com 30 voltas para o final, após uma relargada, Anthony Alfredo sofreu um toque após Chris Buescher perder o controle do carro, e acertou o muro. Após o carro parar, um Ford número 38 pegou fogo, e o piloto demorou alguns instantes para deixar o veículo. Logo depois, a equipe de resgate apagou as chamas. A bandeira vermelha foi acionada.

A próxima etapa da Nascar está marcada para o próximo domingo (24), no circuito do Kansas.

Comentários