Card image
Nascar
Keselowski aproveita confusão no final e vence em Bristol

2 Minutos de leitura

  • Publicado: 31/05/2020
  • Atualizado: 31/05/2020 às 21:16
  • Por: Leonardo Marson

Brad Keselowski venceu neste domingo (31) a nona etapa da Nascar, disputada no Bristol Motor Speedway. Depois de largar da pole position e se manter na primeira colocação até a volta 89, o piloto da Penske teve que fazer uma corrida de recuperação, aparecendo em terceiro na última relargada. Neste momento, Chase Elliott e Joey Logano, então líderes, se estranharam restando quatro voltas para o final, e o piloto do Ford número 2 tomou a ponta para seguir para a vitória.

Brad Keselowski
Keselowski celebra vitória em Bristol. (Foto: Getty Images/Nascar Media)

O lance decisivo da corrida aconteceu na relargada acionada quando restavam cinco voltas para o final da prova, que contou com 500 giros. Logano tomou a posição de Elliott, que tentou recuperar a liderança. Porém, os dois se tocaram, ficando pelo caminho. A direção de prova optou por manter a bandeira verde e Keselowski tomou a frente, seguindo para a vitória.

Você conhece o canal da RACING no YouTube? Clique e se inscreva!
Siga a RACING também no Instagram!

Clint Bowyer, que pouco apareceu na corrida, ganhou força na parte final a corrida e se aproveitou da confusão para terminar na segunda posição com o Ford da Stewart-Haas, sendo seguido por Jimmie Johnson, terceiro com um Chevrolet da Hendrick Motorsport. Kye Busch, que liderou boa parte da corrida, foi o quarto com um Toyota da Joe Gibbs, sendo seguido por Erik Jones, seu companheiro de equipe.

LEIA MAIS:

Elliott supera Harvick e vence a etapa de Charlotte da Nascar
Veja os highlights da etapa de Charlotte da Nascar

Austin Dillon terminou a prova na sexta colocação com o Chevrolet da Richard Childress, ficando logo à frente de Kurt Busch, que correu com outro Chevrolet, este da Chip Ganassi. William Byron, companheiro de equipe de Elliott e Johnson, foi o oitavo, enquanto Christopher Bell, com um Toyota da Leavine Family, ficou com a nona posição. Bubba Wallace levou o Chevrolet da Richard Petty ao décimo lugar.

A corrida foi das mais amarradas em Bristol, contando com nada menos do que 17 bandeiras amarelas. A mais forte delas aconteceu na volta 230, e provocou uma bandeira vermelha que durou 11 minutos. Jimmie Johnson tocou a traseira do carro de Ricky Stenhouse Jr., que bateu contra o muro do infield e voltou à pista, sendo acertado por outros seis competidores.

A próxima etapa da Nascar acontece já no domingo que vem, em Atlanta.