Card image
MotoGP
Martín abre vantagem nas voltas finais e vence o GP da Estíria

4 Minutos de leitura

  • Publicado: 08/08/2021
  • Atualizado: 08/08/2021 às 10:27
  • Por: Leonardo Marson

Jorge Martín venceu neste domingo (8) o Grande Prêmio da Estíria, décima etapa da temporada da MotoGP, disputado no Red Bull Ring, na Áustria. O piloto da Pramac, equipe satélite da Ducati, largou da pole position e travou boa batalha com Joan Mir, disparando na parte final da corrida para vencer pela primeira vez na mais importante categoria do motociclismo mundial.

Jorge Martín
Martín venceu pela primeira vez na MotoGP. (Foto: MotoGP)

A segunda posição ficou com Mir, atual campeão do mundo e piloto da Suzuki que não conseguiu acompanhar o ritmo de Martín. Fabio Quartararo, da Yamaha, completou o pódio ficando com a terceira posição. Takaaki Nakagami, com uma Honda da LCR, foi o quarto, enquanto Brad Binder, da KTM, completaram o grupo dos cinco primeiros.

Você conhece o canal da RACING no YouTube? Clique e se inscreva!
Siga a RACING também no Instagram! e no Twitter
Acompanhe tudo o que rola no esporte a motor com o Boletim Racing

Johann Zarco, que batalhou pela vitória nas voltas iniciais, perdeu desempenho e fechou a corrida com a sexta posição, sendo seguido por Álex Rins, sétimo ao final das 27 voltas da prova com a outra Suzuki do grid. Marc Márquez, da Honda, foi o oitavo, ficando à frente de Francesco Bagnaia, da Ducati. O top-10 foi completado por Álex Márquez, da LCR.

LEIA MAIS:

Jorge Martín fatura pole position da MotoGP na Estíria
Nakagami lidera sexta-feira de treinos da MotoGP na Estíria
Confira a programação e onde ver na TV o GP da Estíria de MotoGP
Valentino Rossi anuncia aposentadoria da MotoGP ao final do ano

A corrida foi marcada por um acidente envolvendo Dani Pedrosa e Lorenzo Savadori. O piloto da KTM caiu, e, pouco depois, viu o piloto da Aprilia atingir sua moto, que pegou fogo logo depois. A bandeira vermelha foi acionada imediatamente, interrompendo a prova. Os dois pilotos estão bem.

O campeonato da MotoGP segue já no próximo final de semana, novamente no Red Bull Ring, que receberá desta vez o Grande Prêmio da Áustria.

Confira como foi a corrida

A corrida no Red Bull Ring começou com Francesco Bagnaia tomando a liderança da corrida, depois de passar por Jorge Martín, que largou da pole position. Joan Mir apareceu em terceiro, sendo seguido por Fabio Quartararo e Marc Márquez. Ainda na primeira volta, o atual campeão do mundo tomou o segundo lugar, mas foi superado de volta seguinte.

Quartararo chegou a ser superado por Maverick Viñales, mas retomou o quarto lugar, enquanto Mir errou e acabou superado por Márquez, caindo para o quarto posto no segundo giro. Pouco depois, um acidente envolvendo Dani Pedrosa, piloto que disputava a prova como convidado pela KTM, e Lorenzo Savadori, da Aprilia, caíram, com uma das motos pegando fogo. A bandeira vermelha foi acionada.

Após um longo período de interrupção, os boxes foram abertos e a prova foi retomada para 27 voltas, uma a menos em relação ao original, com as posições da classificação de sábado levadas em conta para o novo grid. Na nova volta de apresentação, a Yamaha de Viñales não pegou e obrigou o espanhol a voltar aos boxes, de onde largaria.

A relargada teve Jack Miller tomando a primeira posição, sendo seguido por Martín e Mir. Quartararo caiu para o quarto, sendo seguido por Zarco. Bagnaia despencou para sexto. Na segunda volta, o campeão do mundo passou pelo pole position, tomando a segunda posição. O pelotão da frente tinha Miller, Martín, Mir, Quartararo e Zarco.

Na quarta volta, Martín tomou a liderança da prova ao superar Miller, enquanto Mir também passou pelo australiano. Mais atrás, Márquez começou a batalhar pela 12ª colocação com Iker Lecuona, com os dois trocando ultrapassagens. Na sexta volta, Aleix Espargaró teve problemas em sua moto, abandonando a disputa no circuito localizado em Spielberg.

Com sete voltas, Quartararo passou a atacar Miller, conseguindo a terceira posição após uma troca de ultrapassagens. Um pouco mais atrás, Takaaki Nakagami abriu ataque sobre Álex Márquez, em briga doméstica da LCR pelo sexto lugar. Na frente, Mir continuava próximo de Martín, e os dois se distanciaram dos rivais.

Dani Pedrosa, com uma moto reserva, avançou para o 14º lugar ao passar por Lecuona, e passou a pressionar Enea Bastianini na volta 12. No fim do grid, Viñales foi punido com uma volta longa por não respeitar os limites de pista. No meio do pelotão, outro que apresentou problemas foi Miguel Oliveira, que despencou na classificação, abandonando logo depois.

Outro punido com volta longa foi Bastianini, também por exceder os limites de pista. Em terceiro e cada vez mais longe dos líderes, Quartararo passou a ser pressionado por Miller na volta 17. Já Martín foi advertido com relação aos excessos nos limites de pista. Com dez voltas para o final, o australiano da Ducati caiu, deixando a prova.

Martín viu Mir cometer um pequeno erro e abriu mais de um segundo de vantagem, enquanto Quartararo se via mais de cinco segundos longe do atual campeão do mundo. Na volta final, Zarco acabou superado por Nakagami e Binder, despencando para sexto. Martín seguiu para vencer pela primeira vez.

Comentários