Card image
MotoGP
Márquez impede aproximação de Oliveira e vence o GP da Alemanha

3 Minutos de leitura

  • Publicado: 20/06/2021
  • Atualizado: 20/06/2021 às 9:52
  • Por: Leonardo Marson

Marc Márquez venceu neste domingo (20) o Grande Prêmio da Alemanha, oitava etapa da temporada 2021 da MotoGP. O piloto da Honda tomou a liderança da corrida disputada em Sachsenring ainda na primeira volta, ao superar Aleix Espargaró, impediu a aproximação de Miguel Oliveira e seguiu para vencer pela primeira vez desde o seu retorno à categoria rainha do Mundial de Motovelocidade.

Marc Márquez
Márquez não vencia na MotoGP desde o GP de Valência de 2019. (Foto: MotoGP)

Miguel Oliveira levou a KTM ao segundo lugar, chegando pouco mais de um segundo atrás de Márquez, após escalar o pelotão. Fabio Quartararo, com a Yamaha, terminou em terceiro, depois de perder posições no início da corrida. Brad Binder, companheiro de Oliveira na KTM, foi o quarto, sendo seguido por Francesco Bagnaia, piloto da Ducati que cresceu na parte final da corrida.

Você conhece o canal da RACING no YouTube? Clique e se inscreva!
Siga a RACING também no Instagram! e no Twitter

Jack Miller, com uma Ducati, terminou a prova na sexta posição, sendo seguido por Aleix Espargaró, que lutou pela primeira colocação nas primeiras voltas, foi o sétimo com a Aprilia. Johann Zarco, que largou da pole position, não mostrou um bom rendimento na corrida e terminou com a oitava posição com a Ducati da Pramac. Joan Mir, da Suzuki, e Pol Espargaró, da Honda, fecharam o top-10.

LEIA MAIS:

Zarco cai, mas garante pole position da MotoGP na Alemanha

A próxima etapa da MotoGP será disputada já no próximo domingo (27), com a disputa do Grande Prêmio da Holanda, corrida marcada para o circuito de Assen.

Confira como foi a corrida

A largada teve Aleix Espargaró tomando a liderança logo nos metros iniciais, sendo seguido por Marc Márquez. Johann Zarco, que largou da pole position, caiu para o terceiro lugar, sendo seguido por Fabio Quartararo e Jack Miller, que completaram o grupo dos cinco primeiros após algumas curvas. Ainda no giro inicial, Márquez passou por Aleix para tomar a liderança.

Os dois primeiros colocados trocaram ultrapassagens na segunda volta, com o piloto da Honda mantendo a primeira posição. Uma volta depois, Miller passou por Quartararo para tomar a quarta posição. O líder do campeonato acabou superado também por Miguel Oliveira no quarto giro, deixando o grupo dos cinco primeiros.

Danilo Petrucci e Álex Márquez caíram na volta cinco, abandonando a disputa. Outro que foi para o chão foi Lorenzo Savadori, Quem começou a perder desempenho foi Zarco, que acabou ultrapassado por Miller na oitava volta, caindo para o quarto lugar, enquanto Márquez passou a abrir vantagem sobre Aleix Espargaró no mesmo momento.

Na nona volta, Oliveira passou por Zarco para tomar a quarta posição. Na volta seguinte, foi a vez de Aleix cair da segunda para a quarta colocação, sendo ultrapassado por Miller e pelo português da KTM, enquanto a garoar em Sachsenring, com a direção de prova autorizando os pilotos a trocarem de moto, se assim quisessem.

Na 11ª volta, Oliveira passou por Miller para tomar a segunda posição, enquanto Márquez alcançava 1s5 de vantagem na liderança. O português e o espanhol começaram a andar no mesmo ritmo, com o piloto da Honda aumentando a vantagem, que chegou a bater os dois segundos. O competidor da KTM, porém, começou a descontar a diferença pouco depois.

Quartararo começou a avançar a partir da volta 17, deixando Aleix Espargaró para trás para tomar a quarta posição. Brad Binder, por sua vez, passou por Zarco para tomar a sexta posição. Pouco depois, o líder do campeonato superou Miller para avançar ao terceiro lugar, enquanto o sul-africano da KTM entrou no top-5 ao passar por Aleix, na 19ª volta.

Oliveira passou a descontar a vantagem de Marquez, trazendo-a para menos de um segundo na volta 25, enquanto Binder passou por Miller no 28º giro, tomando o quarto lugar. Márquez, na liderança, voltou a abrir frente em relação ao português da KTM com três voltas para o final, garantindo a vitória, a primeira desde o retorno à MotoGP.

Comentários