Card image
MotoE
Eric Granado tem nova equipe no Mundial de MotoE

2 Minutos de leitura

  • Publicado: 18/11/2021
  • Atualizado: 18/11/2021 às 10:36
  • Por: Leonardo Marson

O piloto brasileiro Eric Granado anunciou nesta quarta-feira (16) a assinatura de contrato com a equipe LCR E-Team para a temporada de 2022 do Mundial de MotoE. Piloto com mais vitórias, poles e voltas mais rápidas em 2021, Granado passa a trabalhar com o time dirigido pelo italiano Lucio Cecchinello, que também mantém uma operação na MotoGP, na qual é time oficial da Honda.

Eric Granado
Foto: LCR

“Até agora, conquistamos três pódios maravilhosos na MotoE, com uma vitória surpreendente em Barcelona. Queremos continuar obtendo ótimos resultados. Por isso é um prazer ter confirmado Miquel Pons para a temporada de 2022 e receber um piloto tão competitivo como Eric Granado em nossa equipe”, disse Lucio Cecchinello, citando também o companheiro espanhol de equipe de Granado.

Você conhece o canal da RACING no YouTube? Clique e se inscreva!
Siga a RACING também no Instagram! e no Twitter
Acompanhe tudo o que rola no esporte a motor com o Boletim Racing

“A LCR é uma grande equipe, há muitos anos competindo no mais alto nível”, disse o brasileiro. “Estou muito feliz com a oportunidade que o Lúcio me deu. Fazer parte da família LCR é muito especial para mim. Estou animado para começar a trabalhar com eles desde o início da pré-temporada e me preparar para 2022”, completou Eric Granado.

LEIA MAIS:

RACING lança especial sobre o GP de São Paulo nas bancas digitais

Mudanças no campeonato
A nova temporada da MotoE trará novidades. Os eventos apresentarão duas sessões de treinos livres e um classificatório para o grid na sexta-feira, com duas corridas: uma no sábado e outra no domingo. O formato E-Pole será substituído por sessões faseadas, com os pilotos disputando uma sessão geral e definindo o pole position no Q2, a fase final. “Será uma temporada diferente, marcada por termos agora rodadas duplas em todos os finais de semana. Então, a meta será conquistar o máximo de pontos mesmo nas primeiras etapas, de forma a ter chance de lutar pelo campeonato no final da temporada. Essa é a meta: lutar pelo título”, disse Granado.

O piloto brasileiro foi o competidor mais combativo de 2021. Entre outras façanhas, Granado foi o único a vencer duas vezes no ano, em Le Mans e em Assen, além de conquistar quatro das seis poles positions da temporada. Eric também obteve três pódios e registrou quatro melhores voltas em corrida.

Comentários