Card image
Moto2
Fernández supera Canet e vence em Misano pela Moto2

2 Minutos de leitura

  • Publicado: 19/09/2021
  • Atualizado: 19/09/2021 às 8:10
  • Por: Leonardo Marson

Raúl Fernández venceu na manhã deste domingo (19) o Grande Prêmio de San Marino, 14ª etapa da temporada da Moto2. Em uma corrida das mais tensas no circuito de Misano, na Itália, o piloto da moto número 25 largou da pole position, mas só tomou a ponta de forma definitiva na 15ª das 25 voltas, quando superou Aron Canet.

Raúl Fernández
Fernández venceu pela sexta vez na temporada. (Foto: MotoGP)

A corrida foi marcada pelo extremo equilíbrio entre Fernández, Canet, Sam Lowes e Remy Gardner. O inglês tomou a liderança na largada, mas errou na oitava volta, cedendo a ponta para Canet, que perdeu a ponta duas voltas depois para o vice-líder do campeonato. Neste momento, Gardner se aproximou e passou a lutar pela vitória, que acabou com Fernández.

Você conhece o canal da RACING no YouTube? Clique e se inscreva!
Siga a RACING também no Instagram! e no Twitter
Acompanhe tudo o que rola no esporte a motor com o Boletim Racing

A segunda posição acabou nas mãos de Gardner, que superou Canet quando restavam duas voltas para o final da corrida. O líder do campeonato ainda suportou um último ataque de Canet, que terminou em terceiro. Lowes terminou em quarto, depois de liderar a prova. O grupo dos cinco primeiros foi completado por Marco Bezzechhi, que não conseguiu se aproximar dos ponteiros.

LEIA MAIS:

Confira a programação e onde ver na TV ao GP de San Marino de MotoGP

Augusto Fernández cruzou a linha de chegada com a sexta posição em Misano, sendo seguido por Ai Ogura, que fez corrida discreta para ser o sétimo. Xavi Vierge, que chegou a figurar entre os cinco melhores no início da prova, perdeu desempenho e foi o oitavo. Fabio Di Giannantonio foi o nono, enquanto Celestino Vietti fechou o top-10.

Após a disputa do GP de San Marino, Remy Gardner segue na liderança do campeonato, agora com 271 pontos, 34 a mais em relação a Raúl Fernández, segundo colocado com 237. Marco Bezzecchi é o terceiro, já bastante distante dos líderes, com 190. Apenas os três pilotos seguem com chances de título na categoria intermediária do Mundial de Motovelocidade.

A próxima etapa da Moto2 está marcada para o dia 3 de outubro, com a disputa do Grande Prêmio das Américas, corrida marcada para Austin, nos Estados Unidos.

Comentários