Card image
Formula 1
Verstappen chama Leclerc de irresponsável após incidente no Japão

2 Minutos de leitura

  • Publicado: 13/10/2019
  • Atualizado: 13/10/2019 às 6:16
  • Por: Leonardo Marson

Max Verstappen não gostou nada da atitude de Charles Leclerc no início do Grande Prêmio do Japão, 17ª etapa da temporada 2019 da Fórmula 1. O monegasco da Ferrari tocou a Red Bull do holandês na segunda curva do circuito de Suzuka, provocando a rodada do piloto do carro número 33. Depois de despencar para o final do grid, Verstappen acabou abandonando a corrida, chamando o rival de irresponsável pelo lance.

Max Verstappen
Verstappen roda após toque de Leclerc na largada do GP do Japão. (Foto: F1)

“Tivemos uma largada muito boa, o que é positivo. Senti que estava em terceiro, e, aí, Charles jogou o carro em mim na curva dois. Da minha parte, não acho que dava para fazer algo de diferente”, disse Verstappen, logo após abandonar a disputa da corrida em Suzuka, não poupando também a FIA por não punir Leclerc imediatamente.

Você conhece o canal da RACING no YouTube? Clique e se inscreva!
Siga a RACING também no Instagram!

“Todos sabemos que você perde downforce atrás de outro carro, não é uma desculpa, ele é experiente o bastante para saber disso. E eles [a FIA] decidiram não investigar, depois decidiram investigar”, seguiu o holandês, que questionou a indecisão da entidade máxima do automobilismo mundial para investigar o incidente, não poupando Leclerc na sequência.

“Meu carro está todo destruído, tem buraco na lateral. Começaram a investigar, mas deixaram para depois da corrida. O que mais ele precisa fazer para ser penalizado? Gosto de batalhas duras, mas o que ele fez foi irresponsável”, completou Verstappen, que agora está empatado com Sebastian Vettel na quarta posição do campeonato, com 212 pontos.

LEIA MAIS:
Bottas supera Ferraris na largada e vence no Japão
Bottas exalta ritmo da Mercedes após vitória em Suzuka
Terceiro no Japão, Hamilton parabeniza Mercedes por título
Vettel admite largada ruim, mas fala em “dia positivo” no Japão

O Mundial de Fórmula 1 terá sequência daqui duas semanas com a realização do Grande Prêmio do México, prova marcada para o Autódromo Hermanos Rodríguez, na Cidade do México.