Card image
Formula 1
Mick Schumacher: “Me sinto pronto para a Fórmula 1”

2 Minutos de leitura

  • Publicado: 15/10/2019
  • Atualizado: 15/10/2019 às 19:21
  • Por: Leonardo Marson

Mick Schumacher está às vésperas de encerrar sua primeira temporada na Fórmula 2, última categoria de acesso para a Fórmula 1. Dono de uma vitória na atual temporada, o alemão, filho do heptacampeão mundial Michael Schumacher, garante estar pronto para correr na principal categoria do automobilismo mundial. O piloto de 18 anos é integrante da academia da Ferrari, time em que seu pai conquistou cinco títulos mundiais.

Mick Schumacher
Mick Schumacher é piloto da Academia da Ferrari e disputa a temporada da F2 neste ano. (Foto: FIA Formula 2)

“Obviamente, penso sobre isso [correr na Fórmula 1]. Esse é o meu sonho. É para onde quero ir e é para onde quero viver basicamente minha vida. Me sinto pronto. Se você chegar à Fórmula 2, a maioria das pessoas aqui dirá que está pronta”, disse Mick, em entrevista ao site americano Autoweek.com.

Você conhece o canal da RACING no YouTube? Clique e se inscreva!
Siga a RACING também no Instagram!

“Claro, um ano na Fórmula 2, no qual você aprende muito sobre pneus e outras coisas, ajuda na Fórmula 1, mas isso não significa que você fará um bom trabalho automaticamente, porque há muitas coisas diferentes na Fórmula 1 que afetam sua posição”, seguiu o alemão.

LEIA MAIS:
Leclerc assume culpa por incidente com Verstappen no Japão
Verstappen chama Leclerc de irresponsável após incidente no Japão
Leclerc evita entrar em polêmica após toque com Verstappen
Leclerc é punido por lance com Verstappen e cai para sétimo

Mick Schumacher ainda não sabe o que fará na próxima temporada. Campeão europeu de Fórmula 3, não possui os 40 pontos necessários para obter a superlicença obrigatória para correr na Fórmula 1, e ainda não possui assento para a disputa de uma segunda temporada na Fórmula 2.

“Acho que se você tiver a chance, tem que aproveitar. Talvez faça mais sentido ficar mais um ano na Fórmula 2 e fazer um bom trabalho. Talvez não haja vagas abertas na Fórmula 1 e você pode ficar sentado lá sem pilotar. Mas se a chance vier, eu a aceitarei”, explicou Schumacher.

No momento, estou pensando na Fórmula 2. Estamos aqui, e é nisso que me concentro, mas sonho com a Fórmula 1”, completou.