Card image
Formula 1
Gasly lidera TL3 realizado com pista molhada na Turquia

4 Minutos de leitura

  • Publicado: 09/10/2021
  • Atualizado: 09/10/2021 às 7:09
  • Por: Leonardo Marson

Pierre Gasly foi o piloto mais rápido do terceiro treino livre para o Grande Prêmio da Turquia, 16ª etapa da temporada da Fórmula 1. A sessão que abriu as atividades deste sábado (9) contou com pista molhada no circuito do Istanbul Park, e o francês da AlphaTauri registrou 1min30s447 em seu melhor giro, usando pneus intermediários.

Pierre Gasly
Gasly foi o melhor na pista molhada em Istambul. (Foto: Getty Images)

A segunda posição acabou nas mãos de Max Verstappen, piloto da Red Bull que foi 0s164 mais lento em relação a Gasly. Sergio Pérez, com a outra Red Bull, marcou o terceiro melhor tempo, sendo seguido pela dupla de pilotos da Ferrari, time que teve Carlos Sainz com a quarta posição, ficando à frente de Charles Leclerc.

Você conhece o canal da RACING no YouTube? Clique e se inscreva!
Siga a RACING também no Instagram! e no Twitter
Acompanhe tudo o que rola no esporte a motor com o Boletim Racing

Fernando Alonso ficou com a sexta posição com o carro da Alpine, sendo seguido por Kimi Räikkönen, que aproveitou os minutos finais do treino para colocar a Alfa Romeo em sétimo. Yuki Tsunoda, com a outra AlphaTauri, foi o oitavo, ficando à frente de Valtteri Bottas, nono com a Mercedes. Esteban Ocon, com a Alpine, foi o décimo.

LEIA MAIS:

Hamilton lidera com sobras primeiro treino para o GP da Turquia
Hamilton perde dez posições no grid na Turquia por troca de motor
Red Bull exibe layout especial em homenagem à Honda na Turquia
Hamilton bate Leclerc e lidera segundo treino na Turquia
Confira a programação e onde ver na TV o GP da Turquia de F1

Quem teve um resultado muito abaixo do normal foi Lewis Hamilton. O inglês da Mercedes optou por se manter nos boxes enquanto os outros pilotos marcavam voltas com a pista melhorando. Por isso, o heptacampeão do mundo e líder do campeonato terminou com uma incomum 18ª colocação, à frente apenas da dupla de pilotos da Williams.

A sessão ainda contou com uma bandeira vermelha. Com 35 minutos para o encerramento da sessão, George Russell escapou do traçado e ficou preso na brita com a Williams, causando a primeira interrupção de uma atividade no final de semana. O inglês foi o único piloto a não registrar tempo na sessão que abriu o sábado na Turquia.

A partir das 9h será realizada a classificação que determinará as posições de largada, com exibição da Band e do BandSports. O Grande Prêmio da Turquia de Fórmula 1 tem largada às 9h de domingo (10), com transmissão da Band e da rádio BandNews FM.

Confira como foi o treino

O sábado da Fórmula 1 em Istambul começou com chuva e temperatura baixa. Às 6h, pelo horário de Brasília, fazia 16°C no circuito turco, com 94% de umidade do ar. O asfalto estava a 20°C. A pista foi liberada, mas os pilotos seguiram nos boxes. Apenas com oito minutos de treino que a AlphaTauri mandou Yuki Tsunoda e Pierre Gasly para a pista, ambos com pneus de chuva extrema.

O primeiro a marcar tempo foi Gasly, que marcou 1min39s988, enquanto Tsunoda foi quase dois segundos mais lento. A McLaren soltou seus pilotos à pista e viu Lando Norris tomar a liderança com 1min38s395, sendo seguido por Daniel Ricciardo, que foi 0s952 mais lento. Na sequência, Carlos Sainz colocou a Ferrari na segunda posição, enquanto Charles Leclerc apareceu em terceiro.

Sainz tomou a liderança ao marcar 1min37s608 com 17 minutos de sessão, mesmo momento em que Norris passou pelos boxes para colocar pneus intermediários. Enquanto o espanhol melhorava seu tempo para 1min36s299, o inglês da McLaren se colocou em segundo, 0s321 atrás do piloto da Ferrari. Pouco depois, Gasly escapou da pista.

A Mercedes mandou Lewis Hamilton e Valtteri Bottas para a pista com 21 minutos de sessão, mas não houve tempo para que os dois marcassem tempo. A bandeira vermelha foi acionada após George Russell ficar preso na brita na segunda curva do traçado turco. Antes da paralisação, houve tempo para que Nikita Mazepin rodasse com a Haas.

A sessão foi retomada quando restavam 32 minutos para o encerramento, com alguns pilotos voltando à pista, entre eles Lewis Hamilton e Max Verstappen. Logo depois, os tempos despencaram. Bottas se colocou na liderança, sendo batido por Sebastian Vettel na sequência. Então, o líder do campeonato tomou o melhor tempo, mas viu o holandês cravar 1min32s464. Verstappen rodou pouco depois.

Os tempos seguiram caindo, com Esteban Ocon assumindo a liderança, mas logo sendo superado por Bottas, que anotou 1min31s996. Então, Verstappen acertou nova boa volta e cravou 1min31s043, recuperando a primeira posição, sendo seguido por Gasly, com a AlphaTauri. Com 21 minutos para o final da sessão, Sainz avançou para o segundo lugar, enquanto Kimi Räikkönen colocou a Alfa Romeo em terceiro.

Leclerc tomou a segunda posição no fechamento do segundo terço da atividade, mas acabou superado por Gasly, que se colocou apenas 0s078 atrás de Verstappen. Já Sergio Pérez foi o primeiro a andar abaixo de 1min31s, marcando 1min30s684 para tomar a ponta da tabela de classificação. A marca do mexicano, porém, foi batida pelo francês da AlphaTauri, que marcou 1min30s447.

Fernando Alonso escapou da pista quando restavam 12 minutos para o encerramento da atividade, mas retornou ao traçado sem problemas. Leclerc voltou à pista pouco depois, mas não ameaçou o tempo de Gasly. Räikkönen partiu para uma volta rápida e se colocou na sétima colocação. No minuto final, Verstappen se colocou em segundo. Melhor para Gasly, que liderou a sessão.

Comentários