Card image
Formula 1
“Espero que eu não esteja sonhando”, diz Pérez, após vitória em Sakhir

1 Minuto de leitura

  • Publicado: 06/12/2020
  • Atualizado: 06/12/2020 às 17:50
  • Por: Leonardo Marson

Um sonho. Assim Sergio Pérez definiu sua primeira vitória na Fórmula 1, conquistada neste domingo (6) no Grande Prêmio de Sakhir, penúltima etapa da temporada 2020. O piloto da Racing Point chegou a cair para a última posição, mas se recuperou, e contou com uma trapalhada da Mercedes e um furo de pneu de George Russell para vencer pela primeira vez.

Sérgio Pérez
Pérez deu a Racing Point a primeira vitória da equipe na F1. (Foto: Racing Point)

Além de conquistar sua primeira vitória na mais importante categoria do automobilismo mundial, Pérez se tornou o 110º piloto a triunfar na Fórmula 1. Mais do que isso, “Checo” deu a primeira vitória da Racing Point na categoria, e quebrou um jejum de 50 anos sem triunfos mexicanos. O último havia acontecido com Pedro Rodríguez, no GP da Bélgica de 1970.

Você conhece o canal da RACING no YouTube? Clique e se inscreva!
Siga a RACING também no Instagram!

“Estou sem palavras. Espero que eu não esteja sonhando porque eu sonhei com isso durante dez anos. Depois da primeira volta, a corrida parecia perdida para mim, mas foi sobre seguir e nunca desistir”, disse um emocionado Pérez, em entrevista feita logo após o encerramento da corrida no circuito de Sakhir, no Bahrein. O piloto ainda negou que venceu por conta do problema de Russell.

LEIA MAIS:

Pérez cai para último, se recupera e vence GP de Sakhir de F1

“Nós ganhamos no mérito. Sei dos problemas da Mercedes, George guiou muito, mas ganhamos com méritos. Errei no Safety Car, travei tudo, mas consegui recuperar. O treino sexta me ajudou muito. Foi uma vitória que me deixa mais em paz comigo mesmo. O que for para acontecer não está nas minhas mãos. Se eu não estiver no grid ano que vem, estarei em 2022”, completou.

A Fórmula 1 encerra a temporada 2020 no próximo domingo, quando será disputado o Grande Prêmio de Abu Dhabi.