Card image
Formula 1
Alonso diz que brigaria por títulos na Mercedes ou na Red Bull

2 Minutos de leitura

  • Publicado: 16/10/2021
  • Atualizado: 16/10/2021 às 12:26
  • Por: Leonardo Marson

Fernando Alonso é, reconhecidamente, um dos pilotos mais fortes do atual grid da Fórmula 1. O piloto de 40 anos faz, nesta temporada, seu retorno à categoria máxima do esporte a motor mundial, e tem feito boas atuações com a Alpine, brigando na maior parte do tempo no pelotão intermediário. O espanhol, porém, afirmou ser capaz de lutar por vitórias e pelo título caso defendesse a Mercedes ou a Red Bull.

Fernando Alonso
Alonso voltou à F1 nesta temporada, e defende a Alpine. (Foto: Alpine)

“É difícil responder isso. Mas, sim, confiaria em mim para lutar pelo título”, disse Alonso, em entrevista para o site F1-Insider. “Mas Lewis e Max fazem um grande trabalho em suas equipes. Porém, não há uma resposta clara”, seguiu o espanhol, que ressaltou ainda que sua experiência pode ser um ponto forte numa hipotética disputa de título em que estivesse envolvido.

Você conhece o canal da RACING no YouTube? Clique e se inscreva!
Siga a RACING também no Instagram! e no Twitter
Acompanhe tudo o que rola no esporte a motor com o Boletim Racing

“Principalmente porque tenho mais experiência. Sei melhor o que um carro precisa em uma corrida para ser rápido. Posso gerir melhor a pressão hoje em dia, e sei muito melhor como me preparar de uma maneira ótima para um final de semana de corrida. Não só no final de semana em si, mas também em todos os momentos anteriores”, respondeu o bicampeão do mundo.

LEIA MAIS:

Fórmula 1 revela calendário com 23 corridas para a temporada 2022
Webber exalta Verstappen, mas cobra evolução da Red Bull por título
F1 2021 repete número de vencedores de 2009 após triunfo de Bottas
Van der Merwe deve perder últimos GPs por não se vacinar contra Covid-19
Ocon se torna primeiro piloto a terminar um GP sem pit stops em 24 anos

“Também é importante como tirar 100% do carro e da equipe. Isso tem muito a ver com a experiência. Em meu ano de retorno, aprendo algo novo a cada final de semana. Por exemplo: não sou perfeito em classificação quando se trata de sentir a aderência dos pneus. Talvez eu esteja em 80% neste momento. O ano que vem deverá ser quase perfeito”, completou Alonso.

A Fórmula 1 retoma a temporada 2021 no dia 24 de outubro, com a disputa do Grande Prêmio dos Estados Unidos, no Circuito das Américas, em Austin.

Comentários