Card image
Competições
Volkswagen: "F1 não está em nossa agenda"

1 Minuto de leitura

  • Publicado: 24/02/2016
  • Atualizado: 27/03/2019 às 9:58
  • Por: admin

<p> </p>

<p><img alt="Atuante no WRC, Volkswagen não deseja voltar à F1" height="467" src="/wp-content/uploads/uploads/p-20160122-00477_hires_jpeg_24bit_rgb_620x467.jpg" style="margin: 0px auto; display: block; text-align: justify;" width="620" /></p>

<p style="text-align: justify;">Cotada para entrar na Fórmula 1 no final do ano passado, a Volkswagen permanecerá longe da principal categoria do automobilismo mundial. A montadora alemã espera, pelo menos, o encerramento das discussões sobre o regulamento técnico, segundo o chefe de competições da marca alemã, Wolfgang Durheimer.</p>

<p style="text-align: justify;"><strong>LEIA MAIS:<br />
<a href="http://www.motorpress.com.br/racing/formula-1/f1-formula-1/hulkenberg-fecha-quarta-feira-da-f1-como-mais-rapido" target="_blank"><span style="color:#FF0000;">Hulkenberg fecha quarta-feira da F1 como mais rápido</span></a><br />
<a href="http://www.motorpress.com.br/racing/formula-1/f1-formula-1/fia-confirma-novo-qualifying-e-carros-mais-rapidos-na-f1/" target="_blank"><span style="color:#FF0000;">FIA confirma novo qualifying e carros mais rápidos na F1</span></a><br />
<a href="http://www.motorpress.com.br/racing/formula-1/f1-formula-1/f1-fara-eleicao-do-piloto-do-dia-junto-aos-fas" target="_blank"><span style="color:#FF0000;">F1 fará eleição do “Piloto do Dia” junto aos fãs</span></a><br />
<a href="http://www.motorpress.com.br/racing/formula-1/f1-formula-1/f1-considera-acabar-com-limite-de-combustivel" target="_blank"><span style="color:#FF0000;">F1 considera acabar com limite de combustível</span></a></strong></p>

<p style="text-align: justify;">“A Fórmula 1 não está em nossa agenda. A situação não é previsível para fazer o tipo de investimento necessário pela categoria”, disse Durheimer, em entrevista à revista inglesa Autocar. “Sobre os regulamentos, existem muitos rumores em torno dos motores de um lado e de suporte de tecnologia por outro”, seguiu.</p>

<p style="text-align: justify;">“Antes de se comprometer com o dinheiro que é necessário para isso, é preciso ter ao menos cinco anos de estabilidade das regras, não pode existir uma possibilidade de mudanças”, explicou o dirigente da empresa alemã, que possui envolvimento no FIA WEC, no WRC e em competições de GT.</p>

<p style="text-align: justify;">“Do lado da propriedade, há ainda muitas questões que precisam ser respondidas neste esporte. Na Fórmula 1, parece que os atuais donos não vão estar lá para sempre, e isso cria uma instabilidade também”, completou Durheimer, se referindo ao grupo CVC, maior acionista da categoria, que planeja vende-la.</p>