Card image
Competições
Marini supera Lüthi no final e vence no Japão pela Moto2

1 Minuto de leitura

  • Publicado: 20/10/2019
  • Atualizado: 20/10/2019 às 2:24
  • Por: Leonardo Marson

Luca Marini venceu neste domingo (20) a 16ª etapa da temporada 2019 da Moto2, disputada no Twin Ring Motegi, autódromo localizado no Japão. O piloto da VR46 liderou toda a parte inicial da prova, mas acabou superado por Tom Lüthi na 11ª volta, e passou a pressionar o suíço, conseguindo a ultrapassagem que valeu a segunda vitória seguida no ano na penúltima das 22 voltas da prova.

Luca Marini
Marini venceu pela segunda vez na temporada. (Foto: MotoGP)

A segunda posição acabou com Lüthi, que largou em oitavo e ponteou praticamente toda a metade final da corrida, sem ter condições de tentar um último ataque sobre Marini na volta final. Jorge Martín, atual campeão da Moto3, conquistou seu primeiro pódio na categoria intermediária do Mundial de Motovelocidade ao terminar em terceiro, superando Lorenzo Baldassarri, que ficou com a quarta posição. Jorge Navarro foi o quinto.

Você conhece o canal da RACING no YouTube? Clique e se inscreva!
Siga a RACING também no Instagram!

Alex Márquez fez uma corrida arrojada, mesmo sem ter o melhor ritmo de corrida, e terminou em sexto depois de muito arriscar ao longo da corrida. Enea Bastianini fechou a prova em sétimo, logo à frente de Augusto Fernández, oitavo colocado. Marcel Schrötter completou a prova na nona posição, enquanto Stefano Manzi fechou a lista dos dez melhores em Motegi.

LEIA MAIS:
Alex Márquez protagoniza salvada insana em treino da Moto2

Com os resultados deste domingo, Márquez segue na liderança do campeonato da classe intermediária do Mundial de Motovelocidade, agora com 234 pontos, 36 a mais em relação ao novo vice-líder, Lüthi, que soma 198. Fernández aparece na terceira colocação do campeonato agora, com 192 pontos. Também com chances de título, Navarro aparece na quarta posição, com 186 pontos.

A próxima etapa da Moto2 acontece já no próximo sábado (26), no circuito de Phillip Island, na Austrália.