Card image
Competições
Hubert não resiste a ferimentos e morre após acidente na F2

1 Minuto de leitura

  • Publicado: 31/08/2019
  • Atualizado: 31/08/2019 às 14:33
  • Por: Leonardo Marson

O piloto francês Anthoine Hubert morreu na tarde deste sábado (31) após sofrer um acidente na segunda volta da corrida que abriu a nona etapa da Fórmula 2, que era disputada no circuito de Spa-Francorchamps, na Bélgica, e não resistir aos ferimentos. O competidor da Arden bateu na Eau Rouge, ponto de maior velocidade da pista, e foi atingido em “T” por Juan Manuel Correa, americano que defende a Sauber Charouz. O falecimento foi confirmado pela FIA, através de nota emitida duas horas após o acidente.

Hubert tinha 22 anos e era piloto da academia da Renault. (Foto: FIA Formula 2)

Hubert foi campeão da GP3, atual Fórmula 3, em 2018, e fazia sua temporada de estreia na Fórmula 2, última categoria de acesso antes da Fórmula 1. O francês fazia boa temporada, aparecendo na oitava posição do campeonato, com 77 pontos, tendo vencido duas vezes no ano, uma em Mônaco e outra na França, sempre na segunda corrida da etapa. O piloto tinha 22 anos.

Você conhece o canal da RACING no YouTube? Clique e se inscreva!

A carreira de Hubert no automobilismo começou em 2013, quando foi campeão da Fórmula 4 Francesa. Depois, o francês passou pela Fórmula Renault 2.0 e Fórmula Renault Alps, onde competiu por dois anos. Após correr na Fórmula 3 Europeia, atual Fórmula Regional Europeia, o piloto migrou para a GP3, onde passou duas temporadas na ART Grand Prix, vencendo o campeonato de 2018, e migrando para a Fórmula 2.

LEIA MAIS:
Acidente encerra na segunda volta prova da F2 em Spa

Outro piloto envolvido no acidente, Juan Manuel Correa está em condição estável após o acidente. Giuliano Alesi, Marino Sato e Ralph Boschung não sofreram lesões.