Card image
Capa da Semana
Stock Car: Toyota na frente com vitórias de Zonta e Barrichello

2 Minutos de leitura

  • Publicado: 27/07/2020
  • Atualizado: 27/07/2020 às 12:42
  • Por: Venicio Zambeli

A Toyota estreou em grande estilo na Stock Car. Com Ricardo Zonta e Rubens Barrichello, a montadora japonesa conquistou suas duas primeiras vitórias na rodada dupla que abriu a temporada 2020, em Goiânia.

Texto: Divulgação/Stock Car – Fotos: divulgação/Duda Bairros e Carsten Horst

Marcada pelo cumprimento rígido do protocolo de conduta acordado com o Governo e a Secretaria de Saúde de Goiás, a Stock Car iniciou o campeonato 2020. E teve duas corridas bem disputadas. Após a quinta vitória de sua carreira no traçado goiano, Barrichello deixou a pista na liderança da competição, com 38 pontos, mas tem no seu encalço o atual campeão, Daniel Serra, que conduziu um Chevrolet Cruze. O filho do tricampeão Chico Serra está apenas quatro pontos atrás do ex-ferrarista. Em terceiro está Thiago Camilo (31 pontos), seguido por Ricardo Zonta e Ricardo Maurício (ambos com 30).

Stock Car
Arte: Venício Zambeli

Em um final de semana histórico, que viu a Stock colocar na pista dois novos carros, o que se se destacou foi a grande competitividade e disputas extremamente emocionantes – em uma das melhores apresentações da principal categoria do Brasil. Os indícios de grandes corridas já aconteceram no sábado, quando nada menos que 19 carros se classificaram no mesmo segundo no grid da primeira corrida – e entre eles cinco de cada montadora dividiam os dez primeiros lugares. Após as corridas, a tabela tem cinco Toyotas e cinco Chevrolets entre os dez primeiros.

Você conhece o canal da RACING no YouTube? Clique e se inscreva!
Siga a RACING também no Instagram!

A categoria fez também um minuto de silêncio em homenagem às vítimas da pandemia. Além disso, os pilotos não comemoraram no pódio: as garrafas de champanhe portaram uma tarja preta e permaneceram no chão durante a cerimônia.

LEIA MAIS:

Zonta impede ataque de Khodair e vence em Goiânia
Barrichello toma liderança no início e vence em Goiânia

Na primeira das duas corridas realizadas neste domingo, Ricardo Zonta largou na frente e parecia ter condições de disparar no primeiro lugar. Mas foi perseguido de perto pelo Chevrolet Cruze de Allam Khodair, que cruzou a linha de chegada no segundo posto. Ricardinho Maurício foi o terceiro, logo à frente do tricampeão Daniel Serra, de Cacá Bueno e Thiago Camilo.

Já Rubens Barrichello triunfou na segunda corrida após largar em quarto por conta do grid invertido (ele fechou a disputa inicial em sétimo). Rubinho escalou o pelotão rumo à ponta, disputando a vitória logo após realizar a parada obrigatória com o companheiro de equipe Nelsinho Piquet.

Outro destaque foi a terceira colocação de Bruno Baptista, que meses atrás lutou pela vida na UTI após ter sido infectado com o coronavírus. Tanto Baptista quanto Piquet largaram dos boxes na segunda corrida, tirando o máximo proveito da estratégia. Ao chegar no segundo lugar, Nelsinho conquistou 20 posições. Já Bruno superou 21 carros para terminar em terceiro.

Ricardo Mauricio obteve um terceiro e um quarto lugares nas duas provas e sairia de Goiânia na liderança do campeonato com 39 pontos. Mas recebeu penalização de 20 segundos em seu tempo final na prova de encerramento, caindo para o 13º posto e perdendo a liderança para Barrichello.

A próxima etapa ainda precisa ser confirmada por conta da atual situação em relação ao coronavírus.

Comentários